05/05/2022

Especialista explica as diferenças entre procedimentos estéticos e cirúrgicos e lança protocolo Harmony, em João Pessoa

Diferente da fisioterapia convencional, a fisioterapia dermatofuncional é uma especialidade que trata a pele e anexos, visando a prevenção, a manutenção e a recuperação desse sistema. De uma forma geral, ela trabalha também pré e pós de cirurgias plásticas e bariátricas, questões dermatológicas, endócrinas, linfologias, angiologia, estética, cosmetologia e queimaduras. Conhecida como fisioterapia estética, esta especialidade tem ganhado cada vez mais espaço no mercado, ampliando ainda mais sua atuação com tratamentos de beleza e bem estar.  “A importância da fisioterapia dermatofuncional é gigantesca, porque ela trabalha com reparo tecidual e trata diversas desordens do próprio organismo. Ou seja, a fisioterapia atenua as alterações da pele, sejam elas estéticas ou lesões, trazendo alívio, conforto e proporcionando qualidade de vida às pessoas”, detalha a fisioterapeuta Janaína Guedes, especialista com grande experiência na área. 

 

Nesta especialidade, destacam-se os procedimentos não invasivos ou minimamente invasivos. Janaína  acredita que a maior vantagem está nas técnicas que apresentam resultados sem grandes riscos ou desconfortos. Além disso, ela também acredita que outro ponto positivo é que os procedimentos não interferem na rotina dos pacientes, nem requerem longos períodos de recuperação - aliando a disciplina de comportamento alimentar saudável e a rotina de atividades físicas.  “É possível chegar a grandes resultados com tratamentos não invasivos, mas eles não chegam a ter o impacto de uma cirurgia plástica”, esclarece Janaína.

 

Métodos - Especialista em dermatofuncional há cinco anos, Janaína conta que a maioria das queixas dos pacientes está na gordura localizada no abdômen. Após muito estudo e pesquisas, Janaína aponta dois tratamentos específicos: a Hidrolipoclasia Não Aspirativa, metodologia a qual ela ministra aulas, e o Método Harmony, protocolo criado por ela que trata pequenos volumes de gordura. "O primeiro é uma técnica minimamente invasiva para redução da gordura localizada, feita com aplicação de uma solução fisiológica diretamente na área em tratamento seguida da ação de ultrassom. Já o Método Harmony é um procedimento não invasivo que trata pequenos volumes de gordura e flacidez por meio de combinação de técnicas", explica Janaína.

 

Apesar de pouco invasivo, os métodos são contra indicados para gestantes, pessoas com marca passo, doença auto-imune, lesões na pele, diabetes.

 

Para mais informações, entre em contato com Janaína Guedes pelo (83) 98772-2173 ou pelo Instagram, @janainaguedesfisio. Atendimento: Clinica Elance, Liv Mall, 8° andar sala 401.

 

Fonte:Diferente da fisioterapia convencional, a fisioterapia dermatofuncional é uma especialidade que trata a pele e anexos, visando a prevenção, a manutenção e a recuperação desse sistema. De uma forma geral, ela trabalha também pré e pós de cirurgias plásticas e bariátricas, questões dermatológicas, endócrinas, linfologias, angiologia, estética, cosmetologia e queimaduras. Conhecida como fisioterapia estética, esta especialidade tem ganhado cada vez mais espaço no mercado, ampliando ainda mais sua atuação com tratamentos de beleza e bem estar.  “A importância da fisioterapia dermatofuncional é gigantesca, porque ela trabalha com reparo tecidual e trata diversas desordens do próprio organismo. Ou seja, a fisioterapia atenua as alterações da pele, sejam elas estéticas ou lesões, trazendo alívio, conforto e proporcionando qualidade de vida às pessoas”, detalha a fisioterapeuta Janaína Guedes, especialista com grande experiência na área. 

 

Nesta especialidade, destacam-se os procedimentos não invasivos ou minimamente invasivos. Janaína  acredita que a maior vantagem está nas técnicas que apresentam resultados sem grandes riscos ou desconfortos. Além disso, ela também acredita que outro ponto positivo é que os procedimentos não interferem na rotina dos pacientes, nem requerem longos períodos de recuperação - aliando a disciplina de comportamento alimentar saudável e a rotina de atividades físicas.  “É possível chegar a grandes resultados com tratamentos não invasivos, mas eles não chegam a ter o impacto de uma cirurgia plástica”, esclarece Janaína.

 

Métodos - Especialista em dermatofuncional há cinco anos, Janaína conta que a maioria das queixas dos pacientes está na gordura localizada no abdômen. Após muito estudo e pesquisas, Janaína aponta dois tratamentos específicos: a Hidrolipoclasia Não Aspirativa, metodologia a qual ela ministra aulas, e o Método Harmony, protocolo criado por ela que trata pequenos volumes de gordura. "O primeiro é uma técnica minimamente invasiva para redução da gordura localizada, feita com aplicação de uma solução fisiológica diretamente na área em tratamento seguida da ação de ultrassom. Já o Método Harmony é um procedimento não invasivo que trata pequenos volumes de gordura e flacidez por meio de combinação de técnicas", explica Janaína.

 

Apesar de pouco invasivo, os métodos são contra indicados para gestantes, pessoas com marca passo, doença auto-imune, lesões na pele, diabetes.

 

Para mais informações, entre em contato com Janaína Guedes pelo (83) 98772-2173 ou pelo Instagram, @janainaguedesfisio. Atendimento: Clinica Elance, Liv Mall, 8° andar sala 401.